10 de mai de 2017

Atentado contra a residência dos Maia - 1956 (foto com resolução)

Em 24 de dezembro de 1956, o então prefeito Américo Dias Ferraz sofreu um ataque do jagunço de Aníbal Goulart Maia, Santão, na Barbearia Líder. 

Quando a população soube do ocorrido, as pessoas foram cobrar satisfações na residência dos Maia, localizada na atual rua Silva Jardim esquina com a rua Santos Dumont. Aníbal não estava em casa e o clima esquentou, literalmente, quando a residência foi saqueada (devido ao Natal, vários presentes estavam prontos para as festividades de fim de ano) e incendiada. 

Até então o único registro imagético disponível do ocorrido estava retratado no livro Terra Crua, de Jorge Ferreira Duque Estrada. Mas, a qualidade era horrível. Agora, em resgate inédito, Kenji Ueta traz à tona nova foto, por sorte, em altíssima resolução.

Deseja saber mais sobre o fato? Clique AQUI


Fonte: Kenji Ueta / Acervo Museu Unicesumar / Acervo Maringá Histórica. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário