Igreja Matriz: discussão sobre a Capela Nossa Senhora Aparecida

1946

O flagrante foi feito na Igreja Matriz de Maringá (futura Catedral). Em pauta, a construção da Capela Nossa Senhora Aparecida na Gleba Guaiapó.

A iniciativa dos moradores da Guaiapó foi liderada por Armando Crippa, que chegou em Maringá com sua esposa, Luiza B. Crippa, em 1946 e se estabeleceu na referida Gleba com sítios de café.

Nesse encontro de empresários e representantes da Igreja, Inocente Villanova Júnior (sentado à esquerda de gravata), industrial do segmento de beneficiamento de madeiras, teria dito: "Se a comunidade doar a madeira, pode levar na serraria que eu corto." E assim a Capela foi erigida, com empenho e auxílio da comunidade local.

Quer saber mais sobre a Capela Nossa Senhora Aparecida? Clique AQUI.

Fonte: Acervo Família Crippa / Acervo Maringá Histórica.

Compartilhe

Inscreva-se

* respeitamos nossos inscritos, não enviamos spam.

Inscreva-se

* respeitamos nossos inscritos, não enviamos spam.

Cookies: nós captamos dados por meio de formulários para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.