Desmontagem da Catedral de madeira - 1973

1973


Já sob a sombra da imponente estrutura cônica da nova Catedral Nossa Senhora da Glória, a antiga Catedral, construída em madeira, começou a ser desmontada em 7 de janeiro de 1973, quando ocorreu a solenidade simbólica da retirada de algumas telhas de sua estrutura, feitas pelo monsenhor Sidney Zanettini e pelo então bispo Dom Jaime Luiz Coelho.

A partir de então, dentro de poucas semanas a sua arquitetura foi desaparecendo do centro de Maringá para dar espaço a uma praça. Mas não foi o seu fim completo. A madeira do antigo prédio foi utilizada para a construção de novas casas no Núcleo Social Papa João XXIII, projeto assistencial criado por Dom Jaime na região da Vila Vardelina. 

Fonte: Contribuição de Veroni Friedrich / Gerência de Patrimônio Histórico de Maringá / Acervo Maringá Histórica. 

Compartilhe

Inscreva-se

* respeitamos nossos inscritos, não enviamos spam.

Inscreva-se

* respeitamos nossos inscritos, não enviamos spam.

Cookies: nós captamos dados por meio de formulários para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.