Pioneiros da imprensa no jipe da NP - Anos 1960

1960

Raro registro de Antonio Augusto de Assis, ao volante, junto de Aristeu Brandespim no jipe da Norte do Paraná em Revista (NP), por algum ponto do estado entre 1965 e 1966. Detalhe para o adesivo de Paulo Pimentel no para-brisa.

Na crônica publicada por A. A. de Assis no Jornal do Povo em março de 2020, o pioneiro revela os desafios daquela época em que foram visionários: 

"(...) assumi com Aristeu Brandespim o desafio de produzir a primeira revista da cidade, 'Maringá Ilustrada', cuja edição inaugural chegou às bancas em agosto de 1957. Hoje, quem tem um exemplar dessa edição sabe que tem um tesouro.

A publicação trazia a lista dos primeiros pioneiros; uma reportagem sobre a festa dos 10 anos de Maringá, inclusive mostrando o acidente em que dois aviões da Esquadrilha da Fumaça caíram em cima da caixa d’água da antiga estação ferroviária; textos sobre os primeiros políticos locais, fotos de homens e mulheres de destaque na sociedade, e uma preciosidade: a cobertura da chegada do primeiro bispo da diocese, Dom Jaime Luiz Coelho.

Na primeira edição os redatores éramos Ary de Lima e eu. A partir da segunda, que trouxe na capa a maquete da nova Catedral em desenho de Edgar Osterroht, fiquei como redator-chefe. Mas Brandespim era um homem arrojado e achou que o nome 'Maringá Ilustrada' restringia o âmbito da publicação. Mudou então para 'NP' – 'Norte do Paraná em Revista', e no ano seguinte outra vez mudou, passando ao nome definitivo: 'NP' – 'Novo Paraná'.

Fonte: Acervo e contribuição de Antonio Augusto de Assis / Acervo Maringá Histórica.

Compartilhe

Inscreva-se

* respeitamos nossos inscritos, não enviamos spam.

Inscreva-se

* respeitamos nossos inscritos, não enviamos spam.

Cookies: nós captamos dados por meio de formulários para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.