10 de nov de 2016

A divisão da UDN - 1960

No dia 20 de março de 1960 ocorreu uma grande convenção da UDN, em Curitiba, para tratar de assuntos relacionados aos interesses locais e regionais do partido. O registro abaixo mostra alguns dos representantes udenistas juntamente, no primeiro plano, da bancada da imprensa que cobriu o evento. Vale destacar que, ao centro e de óculos escuros, está o jornalista Ivens Lagoano Pacheco (de O Jornal de Maringá).


Confira o que trouxe a reportagem de O Jornal sobre aquele fato:

"A convenção da UDN que se encerrou no domingo, em Curitiba, revelou um mérito: a chama da 'eterna vigilância' tripartiu-se no Paraná de maneira flagrante. A maior ala ficou com Ney Braga. Outra, tão poderosa em votos, quanto a primeira ou quem sabe mais, está com Maculan e uma terceira, mais modesta, apoia o dr. Plínio Franco Ferreira da Costa. O flagrante, indica o momento exato em que o presidente udenista dr. Newton Carneiro que, diga-se de passagem, teve uma paciência enorme para atuar tanta cousa desconexa e tanta falta de elegância de certos convencionais, pratica um dos atos em que se evidenciou a situação calamitosa de um partido que até agora, segundo foi revelado publicamente no mesmo conclave, tem crescido para baixo, visto que depois de possuir oito deputados estaduais, um senador e três deputados federais, hoje em sua quarta convenção, está reduzido a um deputado federal, dois estaduais e nenhum senador... Para evitar confusão convém saber que no primeiro plano está a bancada da imprensa..."

Fonte: O Jorna de Maringá - 23 de março de 1960 / Acervo Maringá Histórica. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário