28 de set de 2011

Estação Ferroviária de Maringá - Década de 1970

A Estação Ferroviária de Maringá após as modificações sofridas no início da década de 1960.

Esta, que foi a primeira Estação Ferroviária da cidade, foi administrada pela Rede Viação Ferroviária São Paulo-Paraná, entre os anos 1954 e 1975, e pela Rede Ferroviária Federal S.A. de 1975 até 1991, quando foi demolida para dar espaço ao Projeto Ágora, desenvolvido por Oscar Niemayer. O certo é que o processo de reloteamento do lote 51-A, zona 1, que totaliza 206.600 m², foi iniciado em 4 de setembro de 1985 (Lei Nº. 1934/85). Contudo, somente seis anos depois foi efetivamente colocado em prática, após diversas alterações no desenho.

As novas instalações de transbordo da Estação Ferroviária de Maringá, hoje administrada pela América Latina Logística (ALL), foi inaugurada em 3 de agosto de 1991. Dentre as autoridades que discursaram estavam o então presidente da República Fernando Collor de Melo e o prefeito Ricardo Barros. A população, já indignada com o sistema de governo federal, marcou a visita de Collor com reivindicações que resultaram em tumultos. No mesmo dia, o presidente ainda inaugurou os conjuntos habitacionais João de Barro e Thaís, local onde membros da CUT, PT, PC do B e União da Juventude Socialista fizeram suas manifestações. A Polícia Militar interveio em várias oportunidades.

Fonte: Um trem chamado Maringá - Miguel Fernando / Acervo Maringá Histórica / Contribuição Revista Tradição - Jorge Fregadolli.

Nenhum comentário:

Postar um comentário