16 de jun de 2011

Maringá Histórica nas ondas radiofônicas







O "Programa
Maringá Histórica: um bate-papo sobre a nossa história" recebe neste sábado Leonor do Lago Ferreira. Ela, ao do marido, Avelino Ferreira, fundaram o primeiro veículo de comunicação impresso da cidade: O Jornal de Maringá, em 1950. A "primeira dama da imprensa maringaense", como ela mesmo se intitula, me presenteou com uma edição deste impresso de 3 de setembro de 1950.




Na última semana, conversamos com Izaltino Machado, um dos primeiros carpinteiros de Maringá. Foi uma entrevista emocionante. Este programa já está disponível em nosso Podcast (lado superior direito da página).


Vale a pena conferir.

Anote na agenda:

Programa Maringá Histórica
RUC FM (94,3) - Aos sábados às 11 horas.

Fonte: Foto Izaltino Machado - UEM / Foto O Jornal de Maringá - Ana Luíza Verzola / Acervo Maringá Histórica.

Um comentário:

  1. Miguel, a propósito do Jornal de Maringá, gostaria de lembrar o seguinte: Maringá foi a primeira cidade do Brasil a ter telefones automáticos. Isso foi conseguido graças à Cia. Telefônica criada em Maringá pelo Dr. Ardinal Ribas. O Mesmo Dr. Ardinal Ribas comprou o Jornal de Maringá, que funcionou muito tempo na Rua Neo Martins, em prédio próprio, no centro. Se você pesquisar as edições (não sei onde estariam arquivadas) entre os anos de 1.963 até 1.968, obterá informações incríveis sobre a vida social, política e economica de Maringá. Nesse Jornal era publicada a coluna de um rapaz de pouco mais de 16 anos. Ele assinava com o pseudônimo de Glauco. Quem pode dar informações precisas sobre o Jornal é o Verdelirio Barbosa, o Frank Silva, o Manicardi, o Jorge Fregadoli, dentre outros. Fça isso e você se surpreenderá ainda mais sobre nossa querida Maringá.

    ResponderExcluir