17 de nov de 2009

Pioneiro: Rodolfo Bernardi

Natural de Foz do Iguaçu, chegou em Maringá, na região do "Maringá Velho", em 22 de dezembro de 1945. Atuou em diversos segmentos, mas ficou mais conhecido no ramo de Materiais de Construção.

Considerado uns dos moradores mais antigos de Maringá, teve seu nome dado a um Conjunto Residencial.

A Rodolfo Bernardi Materiais para Construção Ltda, pode ser encontrada na Avenida Brasil, 4506, onde sempre funcionou.

Fonte: Maringá Ilustrada - Agosto de 1957

9 comentários:

  1. Foi um exemplo de dignidade a vida toda. Seus filhos e netos certamente se orgulham do nome que têm. Convivi com ele e com seus filhos com os quais mantive grande amizade. Sua historia confude-se com a propria cidade. Minhas homenagens sinceras aos descentes do Senhor Rodolfo Bernardi que chegou na região antes mesmo do surgimento de Maringá. A apresença do seu nome continua dignamente impregnada na vida de todos os moradores de maringá.

    ResponderExcluir
  2. P.S. Os descendentes do Senhor Rodolfo Bernardi, inclusive, alcançaram com suas presenças todas as glorias vividas pela população de Maringá.

    ResponderExcluir
  3. Rodolpho Bernardi está intimamente ligado a minha familia!
    Meu tio, Osmindo Bernardi, cunhado de meu pai Antonio Elias Cecílio, nos aproximou definitivamente.
    Em 1962 ele veio à Brasília e convidou meu pai, então caixeiro viajando da Mesbla no Centro Oeste para retornar para Maringá!
    Lá, ele iniciou um trabalho importante na empresa do Sr. Rodolpho Bernardi.
    Em 1968, meu tio, Osmindo Bernardi me ofereceu um emprego na empresa, Rodolpho Bernardi S/A, como contínuo.
    Assim iniciei minha vida profissional.
    Minhas homenagens ao Sr. Rodolpho Bernardi e seus filhos: Dirlei e Dirceu, que eram respectivamente seus Presidente e Diretor Adminstrativo da Empresa, isto em 1968.
    Abraços a todos.
    Luiz Carlos Hallay Cecílio

    ResponderExcluir
  4. Lembro-me da seguinte trova:
    Todo homem é um diabo,
    isso não há quem negue,
    mas, toda mulher procura
    um diabo que a carregue.
    Saudades deste maringaense de estirpe!

    ResponderExcluir
  5. Vera Lúcia Casteleins21/04/2010 16:44

    Maringá, Maringá,
    Depois que tu partiste tudo aqui ficou tão triste que eu garrei a imaginar
    Maringá, Maringá,
    Para haver felicidade,
    É preciso que a saudade
    Vá bater noutro lugar.

    Saudades dessa cidade onde vivi minha
    infância e juventude. Melhores anos de
    um tempo que ficou na mente e na alma.

    ResponderExcluir
  6. Conheci o Sr. Rodolpho Bernardi la pelos idos de 1953, quando cheguei em Maringa, quando fui transferido de São José do Rio Preto para contadoria de Gonçalves Sé, Quanto cafe tomei com o Sr. Rodolpho e os filhos Dirceu e Dirlei, no Bar do Posto Maluf.Tive um relacionamento de
    irmaõs com seus filhos. Em 1957 fui convidado para Gerencia de Rodolpho Bernardi & Cia em Paranavai.
    O sr. Rodolpho foi um batalhador a quem Maringa muito deve, por seu empreendorismo.
    Um forte abraço a seus filhos Dirceu, Dirlei e sua filha que não me recordo o nome.
    Quanta saudades.
    Francisco Portilho Netto

    ResponderExcluir
  7. Diego Bernardi30/08/2011 11:06

    Tenho Muito Orgulho de ser filho do Rodolpho Bernardi Neto e bisneto de Rodolpho Bernardi!

    ResponderExcluir
  8. Olá, sou professora da Escola Municipal Aniceto Matti, localizada no Conjunto Rodolpho Bernardi. Esse bimestre irei trabalhar sobre o bairro da escola com meus alunos e gostaria de saber se alguém poderia me passar mais informações sobre o Rodolpho Bernardi.
    Grata, Nayra (ppg_nayra@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  9. Saudades do meu querido avô... Nunca me esqueço de seus ensinamentos práticos. Foi um autodidata, esmero observador das personalidades humanas. Exímio negociador, deixou seus herdeiros muito bem na vida... Lembro da "caracalcio" na Rua Ataliba Leonel em São Paulo/SP.. e tantas outras coisas... Valeu vô!! Nos veremos em breve...

    ResponderExcluir