11 de out. de 2020

Sede da CTNP - Inicio de 1950


Registro da sede administrativa da então Companhia de Terras Norte do Paraná (CTNP), possivelmente, no início de 1950. 

Localizada na avenida Duque de Caxias esquina com a então rua Bandeirantes (hoje Joubert de Carvalho), a empresa teria sua denominação alterada para Companhia Melhoramentos Norte do Paraná (CMNP) em 1951, momento em que mudaria a sigla de sua fachada. Antes, a colonizadora manteve sua sede na avenida Brasil, ao lado da praça Raposo Tavares. 

Destaque para a pequena placa na imagem, redonda, indicando o limite máximo de 30 km para os carros que transitassem pela avenida Duque de Caxias naquele período. 

Sobre a CTNP, a empresa foi fundada em setembro de 1925 por investidores britânicos. Em 1943, devido a pressões do presidente da República, Getúlio Vargas, seus negócios tiveram que ser incorporados por acionistas brasileiros. Além da colonizadora, ainda havia uma companhia ferroviária. Para Vargas, não havia cabimento, praticamente, 25% do estado do Paraná ser de propriedade de investidores europeus. 

A operação ferroviária foi nacionalizada ao custo inferior do que fora avaliada. A CTNP, por sua vez, contou com a estratégia e a articulação do engenheiro Gastão de Mesquita Filho, que já havia prestado serviços aos britânicos no passado. Mesquita Filho tratou de organizar o grupo de investidores que adquiriria a colonizadora entre 1943 e 1944. 

Os brasileiros deram sequência, com maestria, ao projeto criado. Tanto que nessa nova fase de gestão Maringá foi concebida como uma cidade-jardim, com projeto do urbanista Jorge de Macedo Vieira, e com todo o cuidado paisagístico por meio do engenheiro agrônomo Luiz Teixeira Mendes. 

Fonte: Acervo CMNP / Acervo Maringá Histórica. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário